14 fevereiro 2015

Cantinho mitrado em viés comum

Todos os dias, enquanto meus filhos estudaram no ensino fundamental até o ensino médio, eu os levava para a escola e os buscava ao término das aulas.

No tempinho de espera, levava comigo algo para me distrair: livro, crochê ou bordado.

No pátio do colégio havia jardins com cantinhos iluminados e sossegados onde eu ficava esperando minhas crianças. Era o nosso ponto de encontro e vinham, quase sempre, contando as novidades.

Bordei toalhas de rosto, de banho, bordas de toalhinhas, barrados de panos de copa, bate-mão e quadrinhos de parede. Alguns eram para minha casa, outros para presentear, uns poucos vendi. Para algumas mães, ensinei.

A poucos dias, arrumando as gavetas encontrei, ainda daquela época, dois jogos americanos ou toalhinhas esquecidos por mim e com manchinhas amareladas pelo tempo. No momento, estão de molho em água adicionado àquele produto sem cloro: V....h 

O tecido usado foi o etamine branco e haviam franjas desfiadas com o próprio tecido em volta das toalhinhas. Decidi modificá-los cortando as franjas e apliquei viés ao redor, no que resultou em mais vivacidade e realce aos bordados.

Infelizmente, não lembrei de fotografar o ANTES mas tenho o DEPOIS


Usei viés comum de algodão e os cantinhos são mitrados

lado direito


lado avesso

Primeiro, cortei as franjas e passei zig-zag em toda a volta


Costurei o viés dobrado ao meio e parava a cada 'esquina' para fazer o ângulo de 90° e cortar as linhas


Veja abaixo o ângulo, a dobra vincada e o viés preparado para ser continuado na toalhinha

lado direito

lado avesso

A flecha abaixo indica que esses dois fios cortados devem ser escondidos dentro da dobra do viés. Antes, sugiro dar 1 ou 2 nózinhos para arrematá-los.


Posicionar a agulha sobre o final do ponto anterior ou o mais próximo possível


Neste caso, a visão costuma se atrapalhar pois a linha é da mesma cor do viés e o calcador faz sombra que dificulta a boa visualização do local correto de onde descer a agulha.

Lembra aquelas 2 linhas soltas que mencionei?
Na imagem abaixo elas foram escondidas por dentro do viés.




Consegui fazer um vídeo demonstrativo de como fiz os cantinhos mitrados.

Não reparem em falhas na gravação afinal é meu 1º vídeo!
Não sei editar e nem trabalhar nas configurações de filmagem mas com o tempo aprendo. A imagem não está boa e percebi somente após pronta!

Clica no 'play' e se não funcionar tem o link abaixo:


Ligue a caixinha de som...

18 comentários:

  1. oi Fatinha! Ficaram muito bonitos! Gostei do colorido que usou nas linhas e os viéses ficaram perfeitos!
    Bom carnaval para você! bjs Nina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nina

      Obrigada!! Viu que carnaval eu fiz com os viés? rsrsrsr

      Bjs

      Excluir
  2. pregar viés sempre foi meu drama.
    adorei o tutorial


    baci

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fifia

      Se todo drama da vida fosse os viés, seria bom, né?
      Até que nós nos entendemos bem.

      Agradeço por sua visita.

      Bjs

      Excluir
  3. Eu quando faço o canto mitrado primeiro passo o vies aberto ,
    depois passo a costura para fechar .
    Hoje aprendi um jeitinho novo ,adorei :))

    Bjoss

    Mônica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Monica

      Já vi essa técnica de passar viés aberto, acho que fica muito bom também.
      Ainda bem que há "n" jeitinhos para se fazer uma mesma coisa.

      Agradeço por sua visita.

      Bjs

      Excluir
  4. Que lindo!! Amo bordar e bordados e toalhinhas tudo fica mais romântico e com o tempo assim doces lembranças das nossas mãos no presente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bella

      Poesia pura!! gostei da sua frase "doces lembranças das nossas mãos no presente."
      As 2 toalhinhas trazem boas lembranças para mim e nelas estão impressos nos bordados uma parte do passado de minhas mãos.

      Agradeço sua visita sempre tão bem vinda.

      Bjs

      Excluir
  5. Oi, Fatinha!
    Que bordado lindo! E cheio de histórias e lembranças fica ainda mais lindo. Ah, as cores dos vieses ficaram perfeitas e realmente deram uma nova vida às cores do bordado.
    Adorei a sua aula! Não conhecia esta maneira de fazer. O mais legal é que deste seu jeito se prende frente e avesso de uma vez só, tornando mais prática a aplicação. Obrigada por compartilhar. Vou experimentar fazer assim que possível.
    (Fiquei encantada com sua voz! Você usa a sua voz profissionalmente?)
    Eu adoro fazer "limpeza" nos meus livros e revistas. É tão bom abrir espaço para coisas novas! E livro bom é livro em uso, livro em atividade. Uma pena que é tão complicado fazer doações para bibliotecas públicas... Já entrei em contato com três bibliotecas públicas diferentes e todas elas colocavam algum entrave para recebê-los... Uma não podia buscar (eu morava a 10 minutos dela)... outra biblioteca (desta vez, me dispus a levá-los) disse que a pessoa responsável estava de férias e que ela me ligaria na volta, mas nunca ninguém retornou... outra me disse que não havia espaço... Fiquei triste e entrei em contato com o dono de um sebo. Ele veio buscar, me pagou o valor que ele achava justo e ainda ficou feliz com o negócio. E eu fiquei feliz por ele e também pela minha estante vazia. :)
    Bjs,

    ResponderExcluir
  6. Vanessa

    Essa maneira de colocar viés aprendi com um rapaz da loja de aviamentos.
    Há outros modos e estou querendo testar também.

    Minha voz...affe..sinceramente não gostei dela no vídeo mas depois acostumei.
    Profissionalmente uso muito a voz mas é por causa de ter que falar com as pessoas.

    Sobre livros antigos costumo doar para as Casas André Luiz e compro muitos livros deles, valem a pena, preços são ótimos e possuem títulos à beça!! mas é preciso vasculhar.
    Uma vez vendi revistas para sebo (eles adoram!!) e uma vez levei para a biblioteca pública mas dão a impressão de desinteresse, então, não levo mais.

    Agradeço sua visita ao meu blog.

    Bjs e ótima semana.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia as Casas André Luiz, Fatinha... que interessante! Bem legal a iniciativa. Pena que eles não trabalham na minha cidade. Vou acompanhar, talvez, eles criem alguma loja virtual. Seria ótimo.
    Sério que vc não gostou da sua voz? Achei linda, pensei que vc pudesse trabalhar como locutora ou algo parecido... :)
    Bjs e bom final de semana,

    ResponderExcluir
  8. Parabéns. Objetiva e prática, sem esquecer do capricho. Agora consigo finalizar trabalho sem estresse e com certeza que o trabalho sairá com qualidade. Obrigada, Muito útil para mim.

    ResponderExcluir
  9. Ficou muito bonito, porém, em vários vídeos que vi( estou procurando pq nunca preguei um viés), devemos costurar primeiro com o avesso do tecido, e depois do lado direito. Pelo que eu entendi, vc costurou os dois lados de uma vez, esse canto mitrado, só pode ser feito se costurado os dois lados de uma vez?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Lúcia

      É isso mesmo, dobrei o viés e costurei os dois juntos. Antes acertei bem os dois lados e fui devagar costurando por cima do direito. As bordas direito e avesso tem que coincidir para que o avesso fique tão bom qto o direito embora não fique igual. Essa outra forma de pregar viés que você menciona, ou seja, 1º costura do avesso e depois dobra e costura pelo direito também é válido.

      Agradeço por sua visita.
      Bjs

      Excluir
  10. Obrigada por dividir conosco seus conhecimentos. Vou tentar fazer. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi Fatinha!! Viés é sempre um problema pra mim. Já tentei tantas formas... umas ficam boas, outras... bem, eu desmancho. Gosto de fazer o viés do próprio tecido, para ficar um trabalho mais bonito. E agora, que você compartilhou como faz, vai ficar mais fácil e bonito. Obrigada!!!

    ResponderExcluir

LinkWithin



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...